Abril é o mês de conscientização do câncer de testículo

Abril é o mês dedicado à prevenção do câncer de testículo, doença que representa de 1% a 5% do total de casos de tumores em homens no Brasil, segundo o Instituto Nacional de Câncer (Inca). Apesar de raro, preocupa porque a maior incidência é em homens em idade produtiva – entre 15 e 50 anos. O principal sintoma do câncer de testículo é o aumento do volume ou surgimento de um nódulo endurecido no testículo. Além disso, outros sintomas como dor imprecisa na parte baixa do abdômen e aumento ou sensibilidade dos mamilos também merecem atenção.
O principal fator de risco para o câncer de testículo é a criptorquidia. Ou seja, quando os testículos, que são formados no interior do abdômen durante a gestação, não se deslocam para a bolsa escrotal antes do nascimento do bebê. Aqueles que nascem com esse tipo de problema têm 10% de risco estimado para desenvolver câncer de testículo. Como não é possível prevenir a criptorquidia, as crianças que nascem com esse problema devem ser acompanhadas mais de perto pelo pediatra. Os testículos podem descer naturalmente ao longo dos primeiros anos de vida. Caso contrário, a criptorquidia pode ser corrigida por cirurgia.
Além da criptorquidia, outros fatores de risco para o câncer de testículo são o histórico familiar deste tumor, lesões e traumas na bolsa escrotal e trabalhadores expostos a agrotóxicos, o que pode aumentar o risco do desenvolvimento da doença.
A detecção precoce do câncer é a estratégia para encontrar o tumor em fase inicial e, assim, possibilitar maior chance de tratamento. A detecção pode ser feita por meio da investigação com exames clínicos, laboratoriais ou radiológicos, de pessoas com sinais e sintomas sugestivos da doença (diagnóstico precoce), ou com o uso de exames periódicos em pessoas sem sinais ou sintomas (rastreamento) mas pertencentes a grupos com maior chance de ter a doença.

As informações contidas neste portal está disponível com objetivo estritamente educacional. Em hipótese alguma pretende substituir a consulta médica, a realização de exame e/ou o tratamento médico. Em caso de dúvidas, fale com seu médico, ele poderá esclarecer todas as suas perguntas.

Resp. Técnico - Dr. Fernando Zapparoli • CRM 108928 (SP) • 40021 (MG)

Compartilhar:

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on print
Share on email

onde estamos

BARRETOS

Instituto de Medicina Avançada (IMA)

Avenida 25, 833 (Entre as Ruas 20 e 22)
Centro – Barretos | SP

SÃO JOSÉ DO RIO PRETO

INCA | Instituto do Câncer - Rio Preto

Rua Jaci, 3134 – Vila Redentora
São José do Rio Preto – SP

fale conosco

CONTATO

Para agendamento de consultas, dúvidas, ou sugestões, fale com a gente!

BARRETOS

Instituto de Medicina Avançada (IMA)

SÃO JOSÉ DO RIO PRETO

INCA | Instituto do Câncer - Rio Preto