Saúde do homem: prevenção é o caminho

Para 41% dos homens brasileiros envelhecimento só começa aos 60 anos
17 de julho de 2019
Gibi orienta sobre prevenção ao câncer de pênis
8 de agosto de 2019
Exibir Tudo

Saúde do homem: prevenção é o caminho

De acordo com o Ministério da Saúde, os homens são os que mais sofrem as principais causas de morte do mundo. Essa parcela da população apresenta presença menor em consultórios e é pouco ativa na busca por serviços de saúde básica. É justamente a demora em procurar ajuda profissional que faz com que pacientes do sexo masculino sejam diagnosticados com quadros de doenças já avançados.

Em contrapartida, é cada vez mais comum encontrar homens que estão preocupados com sua forma física e para “turbinar” os músculos fazem uso de testosterona sem recomendação médica. Para alertar sobre os perigos desta prática, a Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia (Sbem) lançou a campanha “Bomba: tô fora”.
Para evitar a descoberta tardia de doenças, a indicação é que o homem faça check-ups anuais e, a partir dos 50 anos, passe a fazer consultas com um urologista. Entre os principais problemas de saúde enfrentados pelos homens estão o tumor de testículo, a disfunção erétil, câncer de próstata, hiperplasia prostática benigna e as doenças causadas por álcool e cigarro.

Fonte: Jornal Extra/Globo