Obesidade eleva casos de câncer, aponta estudo conjunto de pesquisadores

Homem brasileiro falha na prevenção ao câncer, indica pesquisa da SBOC
30 de abril de 2018
Lavar as mãos evita até 40% das infecções, indica pesquisa da OMS
16 de maio de 2018
Exibir Tudo

Obesidade eleva casos de câncer, aponta estudo conjunto de pesquisadores

O Brasil terá 29.490 casos de câncer associados a um elevado IMC (Índice de Massa Corporal) em 2025, mostra estudo publicado por pesquisadores brasileiros, americanos e franceses na “Cancer Epidemiology”. O número responderá a 4,6% de todos os casos de novos câncer diagnosticados. Pesquisadores chegaram a esse dado a partir de projeções que tiveram por base cálculos realizados em 2012. Naquele ano, o peso elevado respondeu a 15.465 casos de câncer (3,8% do total). O levantamento teve como primeira autora equipe do Departamento de Medicina Preventiva da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo. O estudo já está disponível, mas constará na edição da “Cancer Epidemiology” de junho de 2018, que ainda está em construção.

Em 2025, o Brasil terá 640 mil casos de câncer, segundo a projeção; contra 470 mil casos em 2012. Os autores apontam que a obesidade (IMC > 30) será um fator relevante no aumento dessa maior incidência de tumores. Pesquisadores do estudo apontam que a condição vem numa tendência de crescimento nos últimos anos, chegando a 14,4% dos homems e 25.4% das mulheres com mais de 20 anos em 2013.

A literatura científica aponta que 13 tipos de câncer estão associados ao aumento de peso. Entre eles, o de mama e o câncer de próstata. Os autores citam que a relação entre o câncer e a obesidade pode ser explicada porque um peso elevado estimula fatores de crescimento associados a uma maior proliferação celular.

Fonte: G1- Bem Estar